Papo de Tênis: Roland Garros molhado

Papo de Tênis: Roland Garros molhado

115
0
COMPARTILHAR

Olá simpatizantes e amantes do tênis!​O destaque de hoje (29/05) foi a vitória espetacular de Richard Gasquet sobre o favorito Kei Nishikori, o francês que sempre foi uma grande promessa, mostrou que no saibro sua bela esquerda faz estragos, e que esquerda de uma mão só! Linda! Parecia a esquerda do Guga nos tempos áureos. 


No jogo de Andy Murray ele venceu o “Mr Tie Break” John Isner em sets diretos, jogo dentro da normalidade. Jogaço na próxima rodada entre o britânico e o francês Gasquet, imperdível, Murray que se cuide. O Suiço Stan Wawrinka venceu com bastante autoridade o sérvio Troicki, mas o mais legal dessa partida foi o bate-bola de Stan “The man” com um boleiro no momento que o sérvio pediu atendimento médico, muito legal! A galera foi à loucura e vibrou com a atitude do Suiço. Djokovic que adora essas brincadeiras, coisas bacanas tem que ser imitadas mesmo.

​Na chave de duplas masculino nosso Bruno Soares deu adeus a Paris, ele ainda compete nas duplas mistas com a russa Vesnina, vamos torcer pelo mineiro bom de bola. Teremos ainda o duelo brasileiro entre André Sá e Marcelo Melo, já garantimos um brasileiro nas quartas de final de duplas.

​Nas duplas femininas as favoritíssimas Martina Hingis e Sania Mirza perderam, uma grande surpresa, as irmãs Williams também deram adeus, nas duplas! Muitas surpresas esse ano em RG.


​Na chave feminina gostaria de destacar a surpresa americana Shelby Rogers, 108 do mundo, pela primeira vez chega a uma quarta de final em Grand Slam, ela vem derrubando cabeças de chave. O mais fantástico de Grand Slam é que sempre temos surpresas no decorrer da competição.

​Alguns jogos não terminaram devido a chuva! Amanhã (30/05) terá rodada cheia.


Tênis Potiguar: Preciso congratular uma pessoa que muito me influenciou e ainda influencia! Neste Domingo (29/05) o responsável por minha paixão pelo tênis foi campeão do torneio Américo Martins disputado no Aeroclube de Natal, é o Coronel Marcondes Pinheiro. Ele formou dupla com a jovem senhora Sônia. Isso é uma prova que tênis é para sempre. Esporte é vida.

Allez!

Weverson Pinheiro – colunista 

 

 

Deixe uma resposta