O mundo se curva para reverenciar “O GRANDE” Roger Federer

O mundo se curva para reverenciar “O GRANDE” Roger Federer

174
0
COMPARTILHAR

O mundo se curva para reverenciar “O GRANDE” Roger Federer! Olá amantes e simpatizantes do esporte mais apaixonante do mundo!

Querem vencer o Australian Open? Tem mais de trinta anos? Se a resposta for positiva e você jogar como monstros do tipo Federer, Nadal, Serena e Venus Williams serás o campeão do primeiro Grand Slam da temporada.

O mundo hoje se curvou diante do incrível, do incansável, do super atleta Roger Federer. Diante de seu maior rival venceu o seu décimo oitavo Slam aos 35 anos de idade ficando mais isolado ainda do segundo colocado, Rafael Nadal. O suíço venceu quatro top 10 para chegar ao título, o mesmo entrou como cabeça de chave 17 e pegou pedreiras desde o início do AO. O maestro suíço ficou seis meses sem jogar cuidando de lesão e no primeiro torneio oficial, um Grand Slam, simplesmente vai lá e o abocanha, impressionante. Hoje ele marca outro fato notável, sua premiação passará dos 100 milhões de dólares, sensacional.

O que podemos esperar dele? O que o faz querer ainda competir mesmo tendo conquistado tudo? A resposta é sua paixão pelo esporte! O astro Roger levou o tênis para uma escala estratosférica de visibilidade, ele é muito amado e venerado, talvez isso o faça ainda desfilar pelas quadras. Espero que ele fique ainda muito tempo no circuito profissional, muitos grandes comentaristas chegaram a aposentar tanto Federer quanto Nadal, mas eles provaram o contrário hoje, são dois monstros! Queria poderia imaginar essa final no início do AO? Os deuses  do tênis nos deram esse presente.

Preciso destacar a grandeza e humildade do espanhol Rafa Nadal, o touro de miúra é um esportista exemplar e valorizou e muito a vitória de Federer, ele não se entrega nunca. O saibro está chegando e ele é o melhor da história nesse piso, se cuidem os seus adversários, ele voltou e renasceu, assim como Federer, das cinzas!

Não menos importante foi a final das irmãs Williams, as duas trintonas fizeram um belíssimo jogo e a mais nova, Serena, levou a melhor e superou ninguém mais ninguém menos que a alemã Steffi Graf! Ela hoje tem 23 títulos de major, uma marca impressionante.

O big four, pra variar, ainda manda no tênis, parece que a turma nova precisa tomar espinafre pra derrotar os cachorros grandes. Meu destaque da turma nova foi o búlgaro Grigor Dimitrov, me parece que agora chegou pra ficar entre os tops, tem um belíssimo jogo, sua cabeça melhorou. Vamos acompanhar o resto da temporada desse esporte maravilhoso, estamos acompanhando páginas lindas sendo escritas de sua história bem diante de nossos olhos. Viva ao esporte, viva ao tênis!

Saudações,

Weverson Pinheiro

Deixe uma resposta