Hyundai cruza a Antártida em homenagem a Shackleton

Hyundai cruza a Antártida em homenagem a Shackleton

190
0
COMPARTILHAR

​Hyundai cruza a Antártida em homenagem a Shackleton! Veículos utilitários da Hyundai foram os primeiros carros de passeio a atravessar o continente da Antártida, desde Union Camp até McMurdo, ida e volta. Os SUVs foram dirigidos por Patrick Bergel, bisneto do lendário explorador polar e herói britânico, Sir Ernest Shackleton.

A jornada, que aconteceu em dezembro de 2016, foi feita em comemoração ao centenário da heroica expedição Transantártica de Shackleton, de 1914 a 1916, e é relatada em um filme de curta-metragem criado pela Hyundai, apresentado pela primeira vez em um evento realizado em Londres, na semana passada. Além disso, para celebrar a conquista, uma campanha digital acontece nos canais do Facebook e YouTube para atingir fãs e entusiastas por aventura no mundo todo.

O SUV utilizado na expedição de 30 dias foi um Santa Fe “convencional” que passou por ligeiras modificações para possibilitar o uso de pneus gigantes de baixa pressão e, desta forma, poder atravessar quase 5,8 mil quilômetros de terreno gelado em condições extremas. O modelo não somente teve que percorrer longas distâncias a temperaturas menores que 28ºC negativos, mas precisou também desbravar novos caminhos passando por plataformas de gelo flutuante que nunca haviam sido percorridas anteriormente por veículos com rodas.

Para acomodar os pneus, a carroceria do carro foi elevada com novos subchassis e suspensões, e o veículo recebeu engrenagens dentro dos cubos de roda para lidar com as diferentes forças e a necessidade de girar mais lentamente para rodar à mesma velocidade.

As outras modificações foram o aumento da capacidade do tanque de combustível, a conversão do carro para rodar com combustível Jet-A1 – o único disponível no continente – e a instalação de um pré-aquecedor para o frio.

Primeira tentativa de Sir Ernest Shackleton de atravessar a Antártida: Após a corrida ao Polo Sul, finalizada em dezembro de 1911 com a conquista do norueguês Roald Amundsen, Shackleton voltou sua atenção para a travessia da Antártida de mar a mar, pelo polo. Para tanto, fez os preparativos para o que se tornou a Expedição Transantártica Imperial, de 1914 a 1917. Durante a expedição, seu navio Endurance ficou preso em um iceberg e foi esmagado. A tripulação escapou, acampando no gelo e depois lançando barcos salva-vidas para chegar à Ilha Elefante e, posteriormente, à ilha habitada da Geórgia do Sul, uma viagem tempestuosa de 720 milhas náuticas e a mais famosa façanha de Shackleton. Em 1921, retornou para a Antártida com a expedição Shackleton-Rowett, mas morreu enquanto seu navio estava ancorado na Geórgia do Sul.

Motores e Ação – desde 2004 o seu programa automotivo no Nordeste! RN – CE – PE – PB!

O Número 1 do Nordeste desde 2002. Pode copiar!

O seu próximo carro você encontra aqui. Classificados – http://www.oqtdb.com !!!! O que tem de bom, tá aqui!

► Assine nosso canal: http://www.youtube.com/subscription_center?add_user=freirenetonatal

► FACEBOOK: http://www.facebook.com/motoreseacao

► Twitter: http://www.twitter.com/motoreseacao

► Instagram: http://www.instagram.com/motoreseacao

► Google+: http://plus.google.com/+motoreseacao

► Siga-nos no instagram: http://www.instagram.com/motoreseacao

► Acesse o nosso portal: http://www.motoreseacao.comhttp://www.oqtdb.com

Deixe uma resposta